Como usar Influenciadores Digitais para alavancar seu negócio

By mLabs, Jul 14, 2021

influenciadores digitais

Você, provavelmente, já deve ter visto uma “publi” enquanto navegava pelas redes sociais. A abreviação deriva da palavra publicidade e é usada pelos usuários para como referência aos posts de indicação de um produto ou serviço.

Esse tipo de parceria, normalmente feita por influenciadores digitais, está cada vez mais comum nas estratégias de marketing nas redes sociais e isso se deve à mudança de comportamento dos usuários nesses canais.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto QualiBest, os Influenciadores Digitais se tornaram a segunda maior fonte de influência em uma tomada de decisão de compra, perdendo apenas para indicações de amigos e parentes, que alcançaram 57%.

Os dados mostram que trabalhar com influenciadores pode potencializar os resultados de uma empresa nas redes sociais, independente do seu porte ou área de atuação.

Como elaborar uma estratégia para parcerias com influenciadores digitais

Um dos pilares, e talvez a principal necessidade de uma parceria de sucesso, é construir um relacionamento genuíno com o influenciador que irá divulgar seu produto ou serviço.

A relação entre a marca e o profissional não pode ser simplesmente comercial, é importante que o ele entenda sobre o produto e os seus benefícios. Dessa forma, a publi ficará mais autêntica e com mais chances de obter bons resultados.

Com uma parceria bem elaborada, os resultados das publis vão além da conversão direta, eles impactam também na imagem da marca. Isso porque a opinião de um influenciador é capaz de fortalecer a percepção das pessoas sobre a marca e, ainda mais, mudar a visão que alguém tem sobre o seu negócio.

Por isso, é fundamental fazer parcerias duradouras com influenciadores que tenham, de fato, afinidade com seu público, produto, serviço, valores e abordagem.

Existem diferentes formas de parcerias que podem ser trabalhadas para empresas que não contam com orçamento inicial para realizar o pagamento em dinheiro.

No universo dos influencers, nem todas as propostas precisam ser feitas com investimento financeiro. É isso mesmo, as parcerias podem ser realizadas com a co-criação de conteúdo, troca de valores como convite para eventos, produtos e outros.

E, se sua marca já tem um volume de seguidores nas redes sociais, as suas chances de realizar uma parceria sem pagamento em dinheiro é ainda maior.

Descubra o influenciador ideal para cada etapa da jornada de compra

Saber quando usar os influenciadores é fundamental para se obter os resultados esperados, por isso, o planejamento da sua estratégia precisa fazer sentido com cada etapa do funil do marketing.

Etapa de descoberta

Para ações de topo (início da jornada de compra), os macro-influenciadores – aqueles que possuem alto número de visualizações e seguidores – são as melhores opções.

Por se tratar de uma etapa que tem o ganho de visibilidade como objetivo principal, a ideia é explorar influenciadores com maior potencial de alcance.

O foco é colocar o seu produto, ou a marca no radar dos potenciais consumidores, por isso, o número de seguidores é uma das características que mais importam.

Etapa de consideração

Para o meio da jornada de compra, os influenciadores de nicho – considerados especialistas em um assunto – com menor número de seguidores são os mais indicados.

Eles possuem mais autoridade que os marco-influenciadores, apesar da abrangência ser mais limitada. E, como a estratégia aqui é gerar autoridade para a marca, apostar nos especialistas é a escolha certa a se fazer.

Etapa de conversão

Agora, no fundo do funil de marketing, os micro-influenciadores são fundamentais. Eles têm como vantagem a aproximação com a audiência, o engajamento dentro dos seus conteúdos tende a ser maior e o poder influência em uma decisão de compra também.

Como, nesta etapa, o consumidor já está mais próximo da tomada de decisão investir influenciadores que falam de igual para igual, com menor poder aquisitivo e menos seguidores é o mais indicado.

E, não acabou por aqui, existe ainda uma última categoria de influenciadores, que vem ganhando cada vez mais força – os nano-influenciadores.

Eles são usuários da marca (clientes, fãs, seguidores) que produzem conteúdo de maneira espontânea, mais conhecido como UGC (User Generated Content). Também indicado para a última etapa do funil do marketing.

Entenda mais sobre como criar conteúdo por etapas da jornada de compra: Conteúdo Hero, Hub e Help: como usar nas redes sociais?

Como encontrar os influenciadores certos para o seu negócio

Antes de sair buscando influenciadores nas redes sociais, é importante saber em quais dados você deve se basear para tomar sua decisão.

Para acertar na escolha, deixe métricas como likes e número de seguidores como últimas a serem analisadas. Primeiro, analise os detalhes do perfil entendendo a frequência de postagens, a qualidade do conteúdo, como são feitos os comentários e as interações.

Lembre-se, o influenciador com maior poder de conversão não é necessariamente aquele que apresenta o maior número de seguidores, mas, talvez, o que tenha um melhor engajamento e que faça sentido com o posicionamento da sua marca.

Essa análise aumentará as suas chances de fechar parcerias certeiras, com profissionais que realmente são autoridades na área para persuadir o seu público.

Agora é sua vez de usar influenciadores digitais na sua estratégia de marketing!

De fato, os influenciadores digitais podem ser uma ótima forma de alcançar o seu público, estabelecer uma comunicação mais próxima e gerar mais resultados pelas redes sociais.

Agora é sua vez, coloque em prática as nossas dicas e aumente as suas chances de conversões e de fortalecimento de branding nas redes sociais!

Para te ajudar a simplificar as ações de marketing nas redes sociais, teste a mLabs por 7 dias gratuitos e tenha acesso a diversas funcionalidades, como criação, agendamento, e impulsionamento de posts, criação de landing pages, interações com seguidores, análises de resultados e muito mais!