Como usar data visualization em seus infográficos

By Lydia Hooper, Apr 01, 2021

data visualization

À medida que os dados se tornam cada vez mais uma parte de como entendemos o mundo e nosso papel nele, a data visualization (ou visualizações de dados, em português) e os infográficos estão se tornando palavras mais comumente usadas para se referir a como aprendemos sobre esses dados e os compartilhamos com outras pessoas.

Mas essas ainda são ideias relativamente novas para o público. Embora os gráficos de barras e setores já existam há mais de um século, eles não são mais usados apenas por jornalistas, analistas e designers.

Eu os crio há quase uma década, então posso ajudá-lo a entender melhor o que esses termos significam e como eles se relacionam uns com os outros. Também explicarei como usar a visualização de dados e infográficos, mesmo se você não for um designer profissional.

Índice (clique para avançar)

Qual é a diferença entre data visualization e infográficos?

Data visualization são certos tipos de recursos visuais que nos ajudam a ver e entender os dados, idealmente de maneiras que nos levam a ter ideias e descobertas rápidas.

Exemplos comuns de data visualization:

  • Gráficos de barras
  • Cronogramas
  • Gráficos de linha
  • Gráficos de setores
  • Gráficos de dispersão
  • Diagrama de Venn
  • Mapas

Eles podem ser independentes, mas frequentemente os encontramos em relatórios, white papers, brochuras, cartazes, apresentações e infográficos.data visualization


 

Infográficos, abreviatura de “gráficos informativos”, são produtos de design ou formas de compartilhar informações de uma forma altamente visual.

Os infográficos geralmente contam algum tipo de história e podem ser curtos e simples ou longos e aprofundados e incluir uma variedade de elementos, como narrativas, ilustrações, ícones, fotos e visualizações de dados.

Relacionado: Data storytelling: o que é, como funciona e como aplicar esse conceito?

Você pode criar infográficos e data visualizations na Venngage, a ferramenta de design simples (mas poderosa) para comunicação empresarial.


 

Data visualization X infográficos: o veredito

Infográficos e data visualization não são a mesma coisa, mas estão inter-relacionados.

A data visualization geralmente precisa de alguma narrativa complementar para que os dados se tornem acionáveis, e isso é algo que os infográficos conseguem fazer bem. A data visualization também podem desempenhar papéis fantásticos nas histórias contadas pelos infográficos.

Eis um exemplo simples de como os dois podem trabalhar juntos: um pictograma dentro de uma história mais ampla sobre adolescentes com acesso à tecnologia.

data visualization


 

Relacionado: O que é visualização de dados? (definição, exemplos e melhores práticas)

Como usar data visualization em seus infográficos

A melhor maneira entender é eu mostrando a você.

É por isso que usamos data visualization e infográficos para começo de conversa, porque os recursos visuais são uma maneira fácil e eficaz de compreender informações.

Aqui está outro exemplo de um infográfico que inclui data visualizations (mapas, gráficos de rosca e pictogramas) que ajudam a contar uma história.

data visualization


 

Apresentarei um exemplo de como usar data visualization em um infográfico.

Este vídeo também é uma ótima introdução sobre como planejar e fazer infográficos (sem qualquer experiência em design).

1. Considere o propósito e, se possível, o público

Existem vários motivos pelos quais você pode decidir incluir data visualizations em seu infográfico.

Talvez você esteja:

  • Criando um relatório interno
  • Usando infográficos nas suas redes sociais
  • Imprimindo cartazes para seu local de trabalho

Saber com quem você está se comunicando e por que é fundamental, pois isso informará todas as decisões que você precisará tomar.

Para este exemplo, usarei dados públicos da Taxi & Limousine Commission de Nova York. Posso usar esses dados para mostrar uma série de coisas, mas estou curiosa para usá-los a fim de mostrar o impacto que a COVID-19 teve em Nova York, já que este é um assunto oportuno e eu sei que esta cidade tem sido uma das mais atingidas nos EUA.

O relatório da Comissão destaca uma série de tendências significativas nos dados, incluindo redução no deslocamento, aumentos das viagens para hospitais, redução no número e na renda dos motoristas e sua participação em um programa de entrega de alimentos para nova-iorquinos em necessidade.

O relatório inclui algumas visualizações de dados (veja abaixo), mas não é tão atraente ou conciso como um infográfico seria.data visualization

As visualizações desses dados podem ser usadas em um infográfico para indústrias de transporte, hospitais, agências de empregos, instituições de caridade, etc.

Para manter este exemplo bastante simples, vou criar um infográfico que explica a um leigo como essas tendências de dados por si só demonstram as grandes mudanças que ocorreram na cidade de Nova York na primavera de 2020.

2. Revise os dados e determine as melhores opções de data visualization

Agora que sei o que quero explicar e para quem, posso decidir o que é melhor mostrar para tornar as ideias claras.

Eu sei que estarei essencialmente mostrando as mudanças ao longo do tempo, então algumas opções óbvias são incluir uma linha do tempo e/ou um gráfico de linhas, mas essas não são as únicas a serem consideradas.

Eu também poderia criar um gráfico de barras ou um pictograma, especialmente se eu quiser fazer referência às mudanças percentuais. Se eu tivesse o tipo certo de dados, também poderia considerar o uso de um mapa desta cidade, como este criado para um blog publicado há alguns anos.

data visualization

Quero manter este exemplo bastante simples. Portanto, usarei dados sobre a média de viagens diárias em fevereiro e abril de 2020 e, para esses dados, criarei um gráfico de barras empilhadas para que também possa mostrar como os números mudaram nas três categorias de serviços oferecidos.

Quero incluir mais de uma data visualization em meu infográfico, então também usarei dados sobre viagens para hospitais em 2019 e 2020. Para esses dados, criarei um pictograma que possa ajudar o público a imaginar também os táxis lotando as entradas dos prontos-socorros e, assim, evocar alguma emoção (algo indicado a se fazer com os recursos visuais).

Relacionado: Como fazer um infográfico em 5 passos (guia)

3. Faça o layout do seu infográfico

Como agora sei que vou incluir pelo menos duas data visualizations, posso começar a traçar a composição do meu infográfico. Para este exemplo, examinarei os modelos de infográfico da Venngage para obter ideias e inspiração.

Ele contém muitos dos elementos que estou buscando e me dá a ideia de que posso considerar a adição de um mapa, mesmo se não usar nenhum dado no mapa.

data visualization


 

Gosto ainda mais deste por causa dos fundos fotográficos. Seria ideal se eu quisesse criar uma história mais acionável.

data visualization


 

Talvez seja interessante considerar algo muito mais simples, especialmente para este exemplo. Aqui estão mais alguns que eu poderia usar, que também funcionam bem para compartilhamento nas redes sociais.

data visualization


 

data visualization


 

4. Crie data visualizations precisas, claras e atraentes

Com essas metas e planos em mente, agora estou pronta para começar a criar.

Usando o último modelo ilustrado acima, usarei o editor online de arrastar e soltar da Venngage para:

  1. Copiar os dados que encontrei no relatório da Comissão para as tabelas para dois pictogramas.
  2. Substituir os ícones por ícones de carros.
  3. Substituir o gráfico de setores por um gráfico de barras empilhadas usando dados diferentes do relatório.
  4. Trocar o posicionamento desses dois recursos visuais, pois isso contribui para uma melhor leitura da esquerda para a direita.

data visualization

Agora preciso ter certeza de que os recursos visuais são claros e atraentes. Irei:

  1. Rotular os gráficos apropriadamente.
  2. Usar cores que correspondam ao modelo, incluindo amarelo para os ícones de táxi.
  3. Substituir o mapa do Canadá por uma fotografia que corresponde ao assunto.

É uma boa regra remover qualquer coisa que esteja sobrecarregando o recurso visual, mas manter aquilo que ajuda o público a entender totalmente os dados.

Confira um diagrama de Venn simples que mostra o que constitui uma boa data visualization – e o que não.

Data Visualization


 

5. Aprimore o restante do seu infográfico

Claro que meu infográfico ainda não está completo. Preciso adicionar um texto que conte a história do que aconteceu na cidade de Nova York durante esse período e que explique como esses dados contribuem para a compreensão da história.

Enquanto buscava informações de apoio, encontrei uma estatística adicional e decidi adicionar outra data visualization: um gráfico de setores no canto inferior direito.

Também posso adicionar ícones ou outros elementos que ajudem meu público a se conectar com os dados e a história. Certamente também mencionarei as fontes dos dados na parte inferior.

data visualization

Relacionado: Mais de 25 modelos de infográficos estatísticos para visualizar dados

Exemplos de infográficos com data visualization

Confira um exemplo de um infográfico bastante típico que inclui alguns dados e visualizações. Por ser um relatório sobre os resultados de uma pesquisa, os pontos de dados apoiam as sete ideias apresentadas.

data visualization

Fonte: https://www.workfront.com/resources/state-of-work-2018-infographic

Nem todos os infográficos estão no formato longo para web acima.

Este próximo é muito menor, mas inclui recursos visuais e texto, além da visualização do gráfico de linhas. Esse seria um ótimo infográfico para um produto impresso, como uma revista ou jornal.

data visualization

Fonte: https://www.visualcapitalist.com/rising-cost-of-college-in-u-s/

O próximo exemplo é bastante simples, o que o torna ideal para uso nas redes sociais. Ele inclui dois gráficos de linha para facilitar a compreensão do público.

data visualization

Fonte: https://www.statista.com/chart/23179/rolling-3-month-uk-unemployment-rate/

Este também é uma boa opção para as redes sociais. Ele usa uma foto como fundo, o que aumenta o impacto visual.

data visualization

Fonte: https://www.census.gov/library/visualizations/2020/comm/business-owners-ages.html

Este último é ideal para um cartaz impresso e mostra uma série de pictogramas que podem ser comparados entre si.

data visualization

Fonte: http://virtualwater.eu/

Em resumo: data visualization X infográficos

Não há escapatória: a partir de agora estaremos todos mergulhados em dados.

Enquanto a data visualization pode nos ajudar a navegar melhor pelos números, os infográficos nos ajudam a sair de “saber mais” a “fazer melhor”.

Ao usá-los juntos, podemos compartilhar novas ideias uns com os outros e dar sentido a esta era da informação coletivamente.

Crie seus próprios infográficos e data visualizations hoje mesmo usando os modelos da Venngage. Inscrição e uso gratuito.


 

About Lydia Hooper

Lydia Hooper é redatora de design de informações da Venngage. Seus conteúdos sobre visualização de dados e design de informação foram publicados pela Data Visualization Society, UX Collective, SAGE Publishing’s MethodSpace e Evergreen Data. Ela passou mais de quatro anos ensinando pessoas de todas as idades como educadora informal. Lydia também projetou e ministrou workshops para dezenas de organizações, incluindo American Institute of Graphic Arts-Colorado e Rocky Mountain Chapters da Association for Talent Development e da Society for Technical Communication.