Como criar um guia de estilo de marca (com lições das principais empresas de tecnologia)

By Midori Nediger, Jul 05, 2021

guia de estilo como fazer

Quando se trata de imagem de marca, consistência é tudo!

Mas como garantir a consistência quando você tem vários departamentos, parceiros ou agências produzindo seu material promocional? Como comunicar rapidamente os requisitos da sua marca à medida que sua pequena empresa cresce?

Com um guia de estilo de marca, é claro! Nesta postagem, veremos como criar um guia de estilo que descreva claramente as diretrizes dos ativos da sua marca e que garanta profissionalismo e consistência em todas as suas comunicações.

Também apresentaremos nossos modelos fáceis de editar e editor online que o ajudará a criar seu próprio guia de estilo de marca hoje mesmo.

Clique para avançar:

Veja como criar uma estratégia de marca coesa e acionável. Baixe uma cópia GRATUITA deste e-book que criamos com o HubSpot, o famoso software de CRM.

  • Saiba como evitar erros comuns
  • Defina a história da sua marca
  • Estabeleça regras para o uso dos ativos da sua marca
  • E muito mais!

guia de estilo como fazer


 

O que é um guia de estilo de marca?

Um guia de estilo de marca é um livro de regras que contém especificações sobre tudo o que desempenha um papel na aparência e na impressão deixada pela sua marca – tudo, desde tipografia e cores a logotipos e imagens. Ele permite que todos saibam exatamente como apresentar sua marca ao mundo, orientando o design de todo o seu conteúdo: de postagens de blog e apresentações a espaços de escritório e cartões de visita.

Muitas das principais empresas de tecnologia do mundo mudaram de marca nos últimos anos e dedicaram muito tempo e esforço para desenvolver guias de estilo de marca completos.

Felizmente para nós, muitos desses guias de estilo de marca foram lançados publicamente, então por que não tirar proveito deste trabalho tão árduo?

Confira o que você pode aprender com os guias de estilo das minhas marcas favoritas (além de algumas outras opções úteis) neste infográfico de marca inteligente:

guia de estilo como fazer


 

Antes de mergulhar neste guia, você já ouviu falar sobre o recurso Minha Marca da Venngage? Ele ajuda você a adicionar os logotipos, fontes e cores da sua marca aos seus designs em uma fração do tempo que normalmente levaria.

guia de estilo como fazer


 

1. Comece seu guia de estilo com uma ótima história da marca

Toda grande marca é impulsionada por uma história envolvente.

Se você não está familiarizado com o termo, a história de uma marca define e descreve as coisas com as quais a empresa mais se preocupa. Ela é usada para comunicar os valores de uma empresa ao público e também pode ajudar a orientar as principais tomadas de decisão dentro de uma organização.

Essas histórias podem parecer muito diferentes em empresas diferentes, mas há um fio condutor que as une:

A história de uma marca abrange de maneira resumida e agradável a visão, a missão e os valores essenciais de uma empresa.

Muitas empresas se inspiram em arquétipos de marcas e as melhores histórias adicionam um pouco de sua própria personalidade.

A Atlassian, uma empresa de software muito respeitada, elaborou sua história com base na personalidade da marca. Eles deixaram claro que sabem exatamente quem são e o que querem ser, descrevendo-se como “ousados”, “otimistas” e “práticos com um quê a mais”.

guia de estilo como fazer

Essa postura alegre os ajudou a definir a sua voz após uma recente e dramática reforma da marca, e eu, pessoalmente, sou uma grande fã.

A Trello (adquirida pela Atlassian há cerca de um ano) conta uma história de marca semelhante em 10 princípios, cada um acompanhado por uma divertida ilustração personalizada.

guia de estilo como fazer

A história da marca Skype é uma das minhas favoritas. Eles realmente capturaram um tom lúdico e prático que soa verdadeiro com sua marca:

guia de estilo como fazer

Também não há nada de errado com uma abordagem mais tradicional. No guia de estilo de marca do Facebook, a missão da empresa é apenas explicada, pura e simplesmente:

guia de estilo como fazer

De qualquer forma, a história da marca deve sempre vir em primeiro lugar em um guia de estilo. Ela define o cenário para a experiência da marca e deve comunicar o restante do guia.

Crie uma história de marca que comunique ao mundo o que é sua marca.

Confira esta lista de declarações de missão para organizações sem fins lucrativos criada por nossos amigos da Elevation para obter mais inspiração!

Psiu… Quer aprender a construir seu próprio guia de estilo de marca do zero? Confira este e-book GRATUITO que criamos com nossos amigos na HubSpot. Ele está cheio de dicas, exemplos e modelos:guia de estilo como fazer

 

2. Use as diretrizes do seu logotipo para criar uma assinatura de marca  reconhecível

Depois da história, seu logotipo é a parte mais importante da sua marca. É a única coisa que todos deveriam reconhecer imediatamente como pertencendo a você e apenas você.

Para tornar um logotipo instantaneamente reconhecível, ele deve ser usado de forma consistente!

Por exemplo, você já viu o logotipo do Facebook em outra cor que não seja o “azul do Facebook”?

guia de estilo como fazer

Eu não, e isso não acontece por acaso.

Todos os principais guias de estilo descrevem regras sobre como usar exatamente seus logotipos, para garantir que ninguém envie a mensagem errada com sua marca.

Isso inclui especificações sobre quanto espaço deve ser deixado ao redor do logotipo, assim como fizeram o Snapchat, Medium, Facebook e Spotify em seus guias de estilo de marca:

guia de estilo como fazer

Eles identificaram claramente as “zonas de exclusão” ao redor de seus logotipos. Normalmente com cerca de metade da largura do próprio logotipo, essas zonas livres de imagem proporcionam espaço para que os logotipos respirem e garantem o impacto visual.

Um ótimo guia de estilo de marca também inclui todas as variações de cores aceitáveis para um logotipo, tornando difícil que dê errado:

guia de estilo como fazer

A Medium foi além, removendo qualquer ambiguidade sobre a cor do logotipo, especificando o uso de cores primárias, secundárias e incorretas.

guia de estilo como fazer

Normalmente, é uma boa ideia ditar o tamanho mínimo do logotipo também. Descubra o menor tamanho em que seu logotipo ainda é legível na impressão e na tela, e certifique-se de que ele não apareça menor do que isso.

guia de estilo como fazer

Também não custa dar alguns exemplos concretos. Torne-o à prova de leigos, incluindo o que não deve ser feito:

guia de estilo como fazer

Siga o exemplo das principais marcas como Spotify, Medium, Facebook e Snapchat e crie diretrizes claras para garantir que seu logotipo seja representado da melhor maneira.

guia de estilo como fazer

 

3. Inclua a paleta de cores básicas no guia de estilo da sua marca

No passado, era tudo mais simples: você escolhia uma ou duas cores que combinassem com o seu logotipo e pronto.

Mas isso está começando a mudar.

Agora, muitas empresas usam vários esquemas de cores para conferir vitalidade às comunicações de sua marca.

Para manter o reconhecimento intacto, é mais importante do que nunca tornar as cores essenciais da marca bem conhecidas e consistentes.

No guia de estilo da sua marca, defina claramente a paleta de cores da sua marca, mesmo se você, como o Twitter e Snapchat, tiver uma cor primária de marca e alguns tons secundários:

guia de estilo como fazer

Ou se você, como a Netflix, tiver combinações de cores específicas que deseja que seus designers adotem:

guia de estilo como fazer

É uma boa ideia deixar as cores básicas da sua marca absolutamente claras. Não se esqueça de incluir os códigos hexadecimais, valores RGB e códigos CMYK necessários para garantir que suas cores sejam apresentadas de forma consistente na mídia.

guia de estilo como fazer

 

Marcas como a Trello, que dependem mais da cor para expressar funções e componentes de seus produtos, tendem a desenvolver sistemas de cores mais abrangentes. Especificar todas as tonalidades de cada cor em sua paleta significa que você não precisa mais ficar mexendo com os seletores cromáticos!

guia de estilo como fazer

A Atlassian se esforçou para criar combinações de cores que passassem pelos padrões de acessibilidade da web e deu alguns exemplos úteis de contraste de cores bom e ruim:

guia de estilo como fazer

Além das tendências de design gráfico para as redes sociais do momento, o Spotify até incluiu exemplos realistas de onde não usar seu distinto “verde Spotify”:

guia de estilo como fazer

Seja qual for a forma como vai lidar com isto, quando se trata de cores no guia de estilo de sua marca, quanto mais exemplos melhor. Definitivamente inclua as cores principais da sua marca com códigos hexadecimais e valores RGB, mas também considere adicionar variações de tonalidades úteis e alguns exemplos de o que fazer e o que não fazer.

guia de estilo como fazer

 

A ferramenta Minha Marca da Venngage permite que você salve as cores da sua marca para fácil acesso mais tarde.

guia de estilo como fazer

Depois de selecionar as cores da sua marca, elas sempre aparecerão imediatamente na ferramenta de seleção de cores:

guia de estilo como fazer

Saiba mais sobre a ferramenta Minha Marca aqui.

4. Escolha uma tipografia que corresponda ao seu estilo visual

A tipografia é uma daquelas coisas que passa despercebida se bem feita, mas se sobressai extremamente se não for. Permitir que as opções de fontes escapem ao seu radar pode realmente depreciar a sua marca.

Para tornar a experiência de marca mais agradável, use um guia de estilo para garantir que você esteja aplicando a tipografia de forma consistente em todo o seu material de apoio.

Isso significa definir quais são as fontes usadas para determinados fins (de forma impressa e na web).

O Twitter e o Snapchat mantiveram a simplicidade, cada um escolhendo uma fonte para usar para praticamente tudo:

guia de estilo como fazer

Curiosamente, o Trello escolheu a mesma família tipográfica do Twitter, mas vai além, especificando uma hierarquia de design de estilos e tamanhos de fontes, cores de texto e estilos para listas e parágrafos:

guia de estilo como fazer

Dependendo do seu produto ou negócio, às vezes é necessário especificar fontes diferentes para plataformas diferentes. A iHeartMedia não deixou nada ao acaso, incluindo opções para Android, wearables, produtos Microsoft e até mesmo automóveis:

guia de estilo como fazer

Algumas empresas até projetam suas próprias fontes! Se você fizer isso, é uma boa ideia incluir opções alternativas para uso externo:

guia de estilo como fazer

Muita informação?

Não se preocupe. Um guia de estilo de marca simples não precisa ser tão extenso – concentre-se apenas nas fontes mais usadas, geralmente apenas uma ou duas. Especifique sua fonte e hierarquia de design com relação aos tamanhos (grande para cabeçalhos, média para subtítulos e parágrafos menores mais longos) e espessuras de fonte (leve, negrito, pesado, etc.):

guia de estilo como fazer

 

Precisa aprender a escolher fontes? Confira nosso artigo sobre como escolher fontes de infográfico – todas as mesmas regras se aplicam!

5. Encontre a voz da sua marca

A importância de ter uma voz de marca consistente em suas mensagens não deve ser subestimada.

Passe algum tempo encontrando o estilo que ressoa com seu público e se alinha com a personalidade da sua marca.

Depois de descobrir isso, certifique-se de que ele seja replicado em seus canais, explicando-o no guia de estilo de sua marca!

O Shopify foi além na definição de sua voz – incluindo muitos exemplos de o que fazer ou não fazer em gramática, pontuação, ortografia, vocabulário, nomenclatura e tom. Assim, eles tornam impossível errar nas mensagens.

guia de estilo como fazer

Do outro lado do espectro, Atlassian manteve o guia breve e eficaz, simplesmente delineando seu estilo de escrita em algumas frases breves. Às vezes, isso é tudo que você precisa!

guia de estilo como fazer

Mais uma vez, o Skype esmerou-se com um resumo simples, mas eficaz, contrastando palavras de que gostam com palavras de que não gostam.

guia de estilo como fazer

Se eu pudesse sugerir algo para o guia de estilo de sua marca, seria incluir um exemplo de redação (ou dois) que valorize a voz da sua empresa. Aprendemos melhor pelo exemplo, certo?

 

Precisa de ajuda para criar suas próprias diretrizes de marca? Verifique este e-book GRATUITO que criamos com nossos amigos na HubSpot. Ele está cheio de dicas, exemplos e modelos:guia de estilo como fazer

6. Inclua diretrizes de imagem e visualização de dados em seu guia de estilo de marca

Por último, mas não menos importante, é hora de falar sobre imagens. Tudo sobre as imagens que você, incluindo estilo, cor e conteúdo, contribui para a percepção da sua marca.

Crie algumas diretrizes para imagens (fotos, ilustrações, gráficos, infográficos, etc.) para incluir em seu guia de estilo de marca.

Como podem ser essas diretrizes?

Bem, a Trello adora apresentar ilustrações personalizadas, mas sabe que pode ser difícil para diferentes artistas produzir ilustrações com um estilo coeso. Eles não deixam nada ao acaso, descrevendo o que significa fazer uma ilustração “Trello-y” – com orientações sobre conceito, composição, sombras e muito mais.

Mais importante ainda, eles dão exemplos!

guia de estilo como fazer

Na mesma linha, a Shopify especifica quando e onde usar ilustrações, os princípios com os quais criá-las e as escolhas estilísticas (como cor de fundo, nível de detalhe, escala e modos de combinação) que fazem uma ilustração com a cara da marca.

guia de estilo como fazer

Princípios de ilustração do guia de estilo de marca da Shopify.

A Atlassian tem uma abordagem mais minimalista, envolvendo seu estilo de ilustração com palavras que incluem “praticidade”, “otimismo” e “simpatia”.

guia de estilo como fazer

O estilo fotográfico é tão importante quanto o estilo ilustrativo. Se você usa fotos com frequência, seu guia de estilo deve especificar o nível de complexidade, composições, esquemas de cores, estilos e especificações técnicas que fazem as fotos se encaixarem na imagem da sua marca.

As diretrizes da marca Berkeley descrevem seu estilo fotográfico como leve, arejado e natural, apresentando apenas imagens que se enquadram em uma das três categorias: temática, cultural ou histórica.

guia de estilo como fazer

Eles também fornecem algumas orientações mais concretas para seus fotógrafos:

“Usamos luz natural sempre que possível. A luz também é usada como um elemento ativo em nossa fotografia, às vezes ao ponto de uma leve superexposição. Para evitar ângulos não naturais, nunca gire a câmera em um ângulo que não seja de 90 graus.”

Quer você trabalhe com fotos ou ilustrações, fornecer muitos exemplos e descrições completas é a melhor forma de agir. Confira um exemplo de um infográfico de imagem de marca que mostra isso:

guia de estilo como fazer

 

Se sua marca apresenta infográficos ou visualizações de dados (o que é recomendável), não se esqueça de incluir algumas orientações estilísticas para eles também.

Especifique quando e onde usar infográficos e visualizações de dados e inclua preferências de estilo e convenções técnicas.

O Shopify dá a seus designers instruções claras sobre como abordar uma visualização de dados:

guia de estilo como fazer

Seguidas por algumas regras definitivas para rotular e definir o estilo dessas visualizações:

guia de estilo como fazer

Diretrizes como essas são fáceis de ignorar, mas, quando usadas corretamente, ajudam muito a promover uma presença de marca coesa – especialmente para mídias mais complexas, como infográficos e visualizações de dados.

Conclusão

Quando se trata da sua marca, não envie mensagens confusas.

Inspire-se nas principais marcas da atualidade e faça seu próprio guia de estilo para permitir que todos os representantes da sua marca produzam materiais de apoio com rapidez, eficiência e confiança. Crie um guia seguindo estas 6 etapas simples:

  1. Comece seu guia de estilo com uma ótima história da marca
  2. Use as diretrizes do logotipo para criar uma assinatura reconhecível
  3. Inclua a paleta de cores básicas da sua marca
  4. Defina sua hierarquia tipográfica
  5. Defina a voz da sua marca
  6. Especifique as imagens e a iconografia que compõem seu estilo visual

Ou trabalhe com um de nossos modelos pré-concebidos – basta inserir sua própria marca e pronto!

guia de estilo como fazer

 

Se você descobrir que algo sobre sua marca não está funcionando, corrija! Um guia de estilo de marca deve ser um documento em constante evolução, e é por isso que tornamos a edição e o compartilhamento simples e rápido.

 
 

ASSISTA: tudo o que você precisa saber sobre a marca em menos de 3 minutos!


About Midori Nediger

Midori compartilha truques de comunicação visual e dicas como designer de informações na Venngage. Ela está especialmente interessada em ajudar as pessoas a comunicar informações complexas.