7 tipos de produtos digitais para você começar a empreender na internet

By Hotmart, Jun 30, 2021

tipos de produtos digitais

Para quem busca uma maior liberdade financeira, ou até mesmo busca uma oportunidade de empreender na internet, os produtos digitais podem ser uma alternativa bastante atrativa. Ebooks, cursos online, infográficos, podcasts e outros formatos de conteúdo fazem cada vez mais sucesso entre os usuários e podem se tornar uma ótima fonte de renda.

Além de ser um mercado em crescimento, é possível encontrar diferentes oportunidades de atuação para se destacar e até mesmo se transformar em uma autoridade dentro de um segmento.

Entretanto, com diversas oportunidades e conteúdos na internet, muitas vezes pode ser difícil saber como dar o primeiro passo para iniciar um negócio online de acordo com os seus objetivos.

E para você que tem interesse em empreender pela internet, mas não sabe por onde começar, preparamos este conteúdo com alguns tipos de produtos digitais que você pode criar.

Vamos nessa?

O que são os tipos de produtos digitais?

Também conhecidos como infoprodutos, os produtos digitais são materiais e conteúdos criados, distribuídos e consumidos de maneira digital. Ou seja, por meio de computadores, tablets ou smartphones.

Esses materiais podem ser comercializados em diferentes formatos, como:

  • ebooks;
  • cursos online;
  • webinars;
  • vídeos tutoriais;
  • áreas de membros;
  • clubes de assinatura;
  • aplicativos e softwares;
  • podcasts,
  • entre outros.

Vale a pena criar e vender infoprodutos?

Embora não seja algo novo, a criação e venda de produtos digitais experimentou um verdadeiro boom nos últimos anos. Com um número cada vez maior de famílias com acesso à internet no Brasil, o consumo de conteúdos digitais e a demanda por produtos digitais cresceram.

Além disso, a pandemia do novo coronavírus tem feito com que mais pessoas busquem maneiras alternativas de adquirir conhecimentos, como os cursos online, webinários e mentorias.

Mas, se você ainda tem dúvidas se é vantajoso entrar nesse mercado, separamos alguns dos benefícios de trabalhar com produtos digitais.

1. Baixo custo inicial

Muitos negócios na internet podem começar do zero sem grandes investimentos iniciais, começando até mesmo do zero.

Caso você tenha equipamentos indicados para isso, como um computador e uma boa internet, por exemplo, já é possível iniciar sua jornada no universo do empreendedorismo digital.

Além de economizar na parte estrutural, você pode investir em foco e recursos para montar um produto adequado para ter uma renda frequente, de acordo com as metas e objetivos traçados.

2. Aceitação do público

Por ser uma mídia muito rápida e intuitiva, se torna rápido e prático perceber quando o produto está sendo bem aceito pelo público.

Neste caso, para conseguir saber se o seu produto digital vai ser validado de maneira assertiva, é necessário conhecer as dores do seu público alvo, ter uma persona bem definida e buscar informações sobre qual o tipo de conteúdo que essas pessoas mais buscam.

3. Escalabilidade

Pense em um negócio físico, como uma fábrica, por exemplo.

Para vender mais unidades de um produto, é necessário aumentar a produção. Entretanto, para aumentar a produção, primeiro é necessário adquirir mais matéria prima, contratar e treinar novos colaboradores, expandir a linha de produção… E assim por diante.

Escalar um negócio digital, por outro lado, é muito mais fácil e exige pouco investimento.

Um mesmo produto digital pode ser comercializado para milhões de pessoas sem que seja necessário produzir novas unidades. Você só precisa traçar estratégias de divulgação, como tráfego pago e orgânico, para que cada vez mais pessoas conheçam os seus produtos.

4. Renda Passiva

A escalabilidade e a renda passiva certamente andam juntas. Pois, ao alcançar um maior número de clientes em potencial, as possibilidades de conversão são muito maiores.

Afinal, diferentemente do universo físico, com um alcance maior de pessoas, é possível ter chances muito mais concretas de fazer vendas, já que todos os dias, milhares de pessoas podem buscar pelo seu produto utilizando meios de buscas ou encontrando o seu anúncio, por exemplo.

Por isso, investir tempo em definir métodos diferentes para atingir públicos diferentes com o seu produto pode ser uma grande oportunidade de ter uma renda passiva frequente.

5. Mercado em crescimento

O empreendedorismo digital é um dos mercados que mais crescem no Brasil e no mundo. De acordo com o portal “Pequenas empresas, Grandes Negócios”, apenas em 2020, o crescimento deste universo foi de 40% em relação ao mesmo período de pré-pandemia.

Com isso, o estudo e a preparação de novos conteúdos que possam ajudar outras pessoas a se capacitarem, podem te ajudar a se destacar neste mercado.

Afinal, sempre existe espaço para os produtores digitais que desejam educar o mercado e fazer a diferença na vida dos consumidores.

7 ideias de produtos digitais para você começar a empreender na internet

Agora, se já existe a consideração dos produtos digitais como uma alternativa de renda profissional, pensando no médio e longo prazo, é necessário entender quais são as opções mais interessantes para o início do seu trabalho.

Por isso, separamos 07 sugestões para você iniciar sua jornada de empreendedorismo na internet.

1. Ebooks

Os Ebooks, ou livros digitais, são produtos digitais interessantes para trabalhar tanto em versões gratuitas, pensando na captação de novos leads para o seu negócio, ou no formato de vendas.

Para vender esse material na internet, é necessário escolher um assunto relevante para a audiência e abordar nos capítulos conteúdos interessantes, da mesma maneira que um livro físico, por exemplo.

Isso faz com que você consiga criar uma nova relação com essas pessoas e este e-book seja apenas a porta de entrada para a venda de outros produtos para o mesmo cliente.

2. Infográficos

Em muitos casos, os infográficos servem para contextualizar ou exemplificar determinado assunto que necessite de uma visão mais didática.

Mesmo que sua venda não seja tão frequente, o mercado que necessita deste tipo de serviço, ou de gráficos mais estratégicos, consegue se destacar no cenário digital.

Neste caso, é possível criar diferentes mockups de infográficos, desenvolver um pack e vender esses produtos para que o consumidor fique livre para possíveis edições.

Isso além de trazer mais oportunidades, pode fazer com que seu produto digital se torne muito mais escalável.

3. Clubes de assinatura

Um dos grandes destaques dos negócios digitais nos últimos anos, os clubes de assinatura passaram a crescer de maneira exponencial, já que atualmente é possível encontrar esse formato para diferentes situações.

Seja um grupo de estudos ou a entrega de produtos e serviços, a venda recorrente proporcionada pelos clubes de assinatura podem ser produtos digitais interessantes a serem trabalhados visando o médio e longo prazos.

Tudo vai depender das suas metas e milestones para buscar um retorno financeiro específico.

4. Webinários

Os webinários também são formatos que estão se tornando cada vez mais recorrentes no método pago. Afinal, muitos profissionais já estão começando a desenvolver reuniões online em que as dicas não são divulgadas de forma totalmente gratuita.

Além de engajar a sua audiência em cima de temas que sejam relevantes para o seu universo, também é uma excelente forma de vender um produto digital com ticket maior ao final deste evento, e fazer com que um cliente pontual vire um consumidor recorrente.

5. Consultorias online

Muitos empreendedores buscam serviços específicos para melhorar sua performance em determinado ponto de trabalho, ou até mesmo buscam profissionais para realizarem configurações e implementarem uma nova estratégia em seu negócio.

Neste caso, se você tiver o conhecimento específico sobre determinada área que pode ajudar a vida dessas pessoas, é possível criar um negócio digital em cima do seu conhecimento prestando serviços do tipo.

Inclusive, essa é uma das profissões que mais cresce com o aumento significativo do trabalho remoto nos últimos anos.

6. Podcasts

O podcast também é um formato de conteúdo que vem se popularizado bastante entre os usuários da internet, principalmente por conta dos streamings de música, como o Spotify e o Apple Music, por exemplo.

Esse produto digital pode dar a oportunidade de trabalho em diferentes áreas, como:

  • Produção do podcast;
  • Edição;
  • Desenvolvimento de roteiros;
  • Publicidade dentro dos conteúdos.

7. Cursos online

Quando falamos de infoprodutos, é impossível não mencionarmos os cursos online. A educação a distância acabou revolucionando o mercado e se transformou em um dos produtos digitais mais populares e lucrativos da atualidade.

Neste aspecto, é possível criar uma trilha de conhecimento que faça sentido para uma pessoa que vai aprender sobre determinado assunto e trazer o máximo de profundidade sobre o tema.

Desta maneira, além de educar a audiência, você pode construir uma renda passiva de alta escalabilidade com poucos recursos, sem enfrentar grandes problemas para isso.

Dê o seu primeiro passo no mercado online

Se você estiver procurando formas diferentes de ganhar dinheiro e liberdade para trabalhar de onde desejar, os produtos digitais podem ser uma excelente alternativa para isso.

Além de conseguir atingir um número determinado de pessoas de maneira mais rápida, é possível ter um negócio rentável e que, além disso, possa fazer a diferença na vida do seu público.

Mas, se você ainda não sabe como estruturar o produto digital de maneira assertiva, não deixe de se inscrever na Hotmart Academy. A plataforma de cursos gratuitos da Hotmart te ensina a desenvolver um produto digital do zero para começar a gerar renda na internet!

About Hotmart

Este post foi escrito pela equipe da Hotmart, uma plataforma gratuita e completa para armazenar e vender cursos online. Nossa principal missão é permitir que as pessoas vivam de suas paixões compartilhando com o mundo o que têm de mais importante: seus conhecimentos.